O portal de notícias que mais cresce em Tocantins

Conselho da Ilha do Bananal/Cantão empossa membros e cria grupo de trabalho

Obtenha atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Nesta sexta-feira, 12, o Conselho Deliberativo da Área de Proteção Ambiental (APA) Ilha do Bananal/Cantão aprovou duas pautas, em reunião extraordinária virtual dos representantes do poder público e sociedade civil. Os membros presentes na plenária deram posse aos Conselheiros e aprovaram a criação e composição do Grupo de Trabalho (GT), que vai elaborar a minuta do edital de chamamento público para reestruturação do Colegiado e propor alterações no atual regimento interno.

Após atingir quórum e a abertura da plenária, foram empossados os Conselheiros e respectivos suplentes, de acordo com o Regimento Interno (2015) vigente, através de Ata, que será publicada. Em seguida foi discutida a criação e o formato da composição do GT, que após definição recebeu a indicação de três representantes do poder público e três da sociedade civil, ambos aprovados com voto de maioria.

A presidente do Conselho da APA Ilha do Bananal/Cantão, Aline Vilarinho, enfatizou que, “foi muito importante o avanço nas discussões para que os conselheiros chegassem a um consenso, para definição e aprovação das pautas da reunião, que são essenciais ao atendimento de prazos para prosseguimento das ações do conselho”, avaliou.  

Os conselheiros que vão compor o GT vão reunir as propostas dos demais representantes de sua esfera e levar para as discussões do grupo, que vão ocorrer ao longo dos próximos 15 dias. As três cadeiras do poder público no GT serão ocupadas pela Secretaria da Agricultura, Pecuária e Agricultura (Seagro), Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) e Prefeitura de Marianópolis. Já as cadeiras da sociedade civil ficaram com a Federação da Agricultura e Pecuária do Tocantins (Faet), Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado do Tocantins (Fetaet) e a ONG Onça D’água.

Antes do encerramento do encontro, os conselheiros solicitaram a avaliação da possibilidade de agendamento da próxima reunião extraordinária virtual para o dia 9 de abril, com a pauta de apresentação e avaliação das propostas para o edital e regimento interno, que será elaborada pelo GT. Estiveram presentes entre os representantes do poder público, a Marinha do Brasil, SEAGRO, Naturatins, Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMARH), das prefeituras de Abreulândia, Araguacema, Caseara, Chapada de Areia, Divinópolis, Dois Irmãos, Marianópolis, Monte Santo, Pium; e entre os representantes da sociedade civil, a FAET, FETAET, ONG Onça D’água, Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Pium, Sindicato Rural de Dois Irmãos e Sindicato Rural de Pium.

Obtenha atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.